Notícias

08/08/2018

Novo livro faz estudo sobre comportamento do voto no Brasil

O senso comum sugere que o partidarismo tem pouco impacto no comportamento e preferências dos eleitores no Brasil, mas o livro “Partisans, Antipartisans, and Nonpartisans: Voting Behavior in Brazil”, de autoria do professor da Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas (FGV EBAPE), Cesar Zucco, e de David J. Samuels (University of Minessota – EUA) examina quase três décadas de dados para questionar esta interpretação. 

A obra, publicada pela Cambridge University Press, será lançada no próximo dia 14 de agosto, às 19h, na Blooks Livraria (Praia de Botafogo 316. Botafogo, Rio de Janeiro/RJ, estacionamento no Novotel na Praia de Botafogo 300), com um debate mediado por Débora Thomé e Fernando Dantas.  

O livro mostra que, desde a redemocratização do Brasil, na década de 1980, mais da metade dos eleitores brasileiros apresenta alguma afinidade ou antipatia a favor ou contra um determinado partido político, que essa realidade tem consequências para o voto, avaliação de governos e até mesmo formação de preferências do eleitorado. 

O estudo mostra, também, que comportamento dos eleitores no Brasil tem sido amplamente estruturado em torno do sentimento a favor ou contra o Partido dos Trabalhadores (PT), e examina como a sigla foi a única que conseguiu cultivar com sucesso o partidarismo em um ambiente onde as regras eleitorais dificultam o surgimento de partidos fortes.  

Para mais informações sobre o livro, ACESSE AQUI. 
 

Galeria: 

Nosso website coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies para permitir funcionalidades como: melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados. Para saber mais sobre as informações e cookies que coletamos, acesse a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.