Doutorado

(Última atualização: 06/11/2018 - 17:43)
DURAÇÃO DO CURSO – TEMPO DE INTEGRALIZAÇÃO
O Curso de Doutorado em Administração possui duração de 48 (quarenta e oito) meses.
CRITÉRIO DE AVALIAÇÃO DO PROCESSO ENSINO-APRENDIZAGEM

Art. 9° O aproveitamento em cada disciplina será avaliado por meio de provas, exames, trabalhos e projetos, bem como pela participação e interesse demonstrados pelo aluno.

§ 1° A avaliação será expressa pelos seguintes níveis de conceito:

     A – muito bom: com direito a crédito.
     B – bom: com direito a crédito.        
     C – satisfatório: com direito a crédito.
     D – deficiente: reprovado e sem direito a crédito.

§ 2° Se o aluno obtiver 3 (três) conceitos C, ou 2 (dois) conceitos C e 1 (um) conceito D, ou 2 (dois) conceitos D em disciplinas ao longo do curso será desligado do mesmo.

§ 3° Se o aluno obtiver 2 (dois) conceitos C ou 1 (um) conceito D em disciplinas ao longo do curso terá seu desempenho acadêmico (i.e., histórico escolar e memorial de produções acadêmicas) avaliado pelo Colegiado do programa acadêmico de pós-graduação, que decidirá pela manutenção ou desligamento do aluno no programa. No caso de manutenção da permanência do aluno no programa, o Colegiado determinará um plano a ser cumprido pelo aluno com o objetivo de melhorar seu desempenho acadêmico. O memorial de produções acadêmicas deverá conter no mínimo: os artigos publicados em periódicos científicos, os artigos apresentados em congressos acadêmicos, prêmios recebidos e demais produções acadêmicas; tudo relativo ao período que o aluno estiver matriculado no curso. A Coordenação do Curso avisará ao aluno a necessidade de apresentar o referido memorial e o prazo.

§ 4° Se o aluno obtiver conceito D em uma disciplina, deve cursá-la novamente. Em caso de disciplina eletiva, poderá substituí-la por outra. O refazimento ou a substituição de disciplina não exclui o conceito D anteriormente obtido.

REQUISITOS PARA ADMISSÃO
RECURSOS DISPONIVEIS

Salas e Laboratórios

Além de contar com toda a Infraestrutura disponível no edifício sede da FGV, a EBAPE conta ainda com uma infraestrutura exclusiva em seu prédio, localizado na Rua Jornalista Orlando Dantas, 30 – Botafogo (JOD30), inaugurado em 27 de março de 2017. Neste sentido , a Escola  possui: 27 (vinte e sete)  salas em estilo anfiteatro,  21 (vinte e uma) salas de aula convencionais, 09 salas de aula para uso de metodologia PBL (Problem Based Learning), 1 (uma) sala de aula interativa, 2 (dois) auditórios para grandes eventos e 08 (oito) laboratórios de informática, todos equipados com computadores, projetores multimídia e sonorização com conexão de rede cabeada e wireless (sem fio), que atendem aos programas de graduação, mestrados e doutorado da Escola. 

Os laboratórios de informática estão localizados no andar térreo da JOD 30 e nos 4º, 7º, 8º, 10º e 13 º andares do Edifício Sede. O laboratório da JOD 30 possui 50 micros. O laboratório 4º andar (sala 422) possui 30 micros e o laboratório do 7º andar possui 21 micros e um laboratório de pesquisa científica dotado de 10 máquinas iMac’s. O laboratório do 8°andar  possui 23 micros. O laboratório do 10º andar possui 14 micros e os laboratórios do 13º andar 1330 e 1332 - possuem 20 e 50 micros, respectivamente. Os laboratórios contam ainda com duas impressoras a laser cada, sendo uma com impressões em preto-e-branco e a outra com impressões coloridas. 

Em consonância com a Lei nº 10.098, de 19 de dezembro de 2000, que estabelece normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade das pessoas com deficiência ou com mobilidade reduzida, a FGV oferece estrutura e equipamentos compatíveis ao fácil acesso destas pessoas às instalações da Fundação. Os banheiros, as rampas e a biblioteca foram adaptados e construídos para atender esta demanda. O programa de Graduação em Administração da FGV/EBAPE, em prol de uma educação mais inclusiva, disponibiliza um professor de libras dedicado aos alunos com deficiência auditiva.

Todos os prédios da FGV disponibilizam rede sem fio em suas dependências.

Biblioteca

Biblioteca Mario Henrique Simonsen – BMHS:

A Biblioteca funciona na Praia de Botafogo, 186 – Centro Cultural - de segunda à sexta-feira, no horário das 08h15 às 20h30 e no sábado, somente para usuários internos, no horário das 08h30 às 12h30. A consulta ao acervo é de livre acesso aos usuários internos (corpo discente, docente, funcionários e ex-alunos da FGV) e externos (docentes, pesquisadores, alunos de graduação, pós-graduação, mestrado e doutorado de outras instituições). Os usuários externos só podem ter acesso à Biblioteca mediante apresentação de documento da Instituição a que estão vinculados. A Biblioteca oferece um acervo com 96.225 títulos e 210.774 exemplares distribuídos entre livros, DVDs/vídeos, publicações eletrônicas, teses e dissertações, gravações sonoras, além de publicações periódicas em papel e eletrônicas. A Biblioteca disponibiliza 58 computadores para seus usuários, e as bases de dados estão disponíveis a todos os usuários que estejam utilizando um computador conectado à rede interna ou que estejam, no momento da consulta, utilizando a FGV/RJ como provedora de acesso (acesso remoto).

Para mais informações sobre a biblioteca Biblioteca Mario Henrique Simonsen – BMHS, clique aqui

MATRIZ CURRICULAR
CORPO DOCENTE DO CURSO