Quem Somos

História

A Escola

A Escola Brasileira de Administração Pública da Fundação Getulio Vargas (EBAP/FGV) foi criada no dia 15 de abril de 1952, na cidade do Rio de Janeiro, como a primeira escola de administração pública do Brasil e da América Latina. A EBAP surgiu por meio de uma parceria entre a FGV e as Organizações das Nações Unidas (ONU) para atender a demanda por profissionais qualificados na área pública no país. 

Em 2002, a EBAP passou a se chamar Escola Brasileira Administração Pública e de Empresas (EBAPE), confirmando também a sua atuação no setor privado, que na verdade, sempre existiu desde sua origem. A Escola conquistou credibilidade, legitimidade e uma capacidade surpreendente de agregar conhecimento de alto nível aos seus estudantes, introduzindo-os em um processo produtivo de excelência. 

Pioneirismo da EBAPE

  • Primeira escola a oferecer curso superior em administração no Brasil e na América Latina;
  • Os primeiros livros de administração no Brasil foram publicados na Escola;
  • Primeira instituição a usar o sistema de crédito e matrícula por disciplina no Brasil;
  • Primeira presidência e sede da ANPAD – Associação Nacional de Pós-graduação e Pesquisa em Administração;
  • Em 1961, o professor da EBAPE e ex-deputado Federal, Alberto Guerreiro Ramos, foi o autor da proposta de regulamentação da profissão de administrador, certificada pela lei nº 4.769, de 9 de setembro de 1965.

                                                                                                                                                                 

Educação Executiva Presencial, Customizada e a Distância