Notícias

(Última atualização: 22/01/2018 - 15:02)
19/01/2018

Professora da EBAPE avalia que constante troca de ministros é obstáculo para políticas públicas

Desde o início do atual governo, há um ano e oito meses, o troca-troca de ministros tem sido intenso. Nesse período, 15 ministros de 11 pastas já foram substituídos. Até abril, prazo limite para os candidatos deixarem o governo, esse número pode até mesmo dobrar. Para a professora da EBAPE, Alketa Peci, as constantes mudanças dos titulares das pastas são um desafio para o desenvolvimento de políticas públicas. 

“As trocas são um obstáculo para as políticas públicas. Cada ministro tem sua prioridade, que nem sempre é a mesma do ministro anterior. O impacto das trocas é reduzido em ministérios nos quais há um grau maior independência da burocracia, com mais servidores estáveis”, destaca a professora, em entrevista para o Diário de S.Paulo. 

A matéria completa pode ser lida AQUI.
 

Galeria: