Notícias

(Última atualização: 06/03/2017 - 15:14)
03/03/2017

Nova Edição da RAP está disponível para leitura em versão bilíngue

 

O ano de 2017 marca dois momentos importantes para a Revista de Administração Pública (RAP). O periódico completa 50 anos e passa a ser publicada exclusivamente online, em versão bilíngue.

“Esta mudança materializa o objetivo do periódico de se consolidar como uma revista acadêmica de administração pública que busca expandir sua contribuição acadêmica além das fronteiras nacionais”, destaca a editora-chefe do periódico, professora Alketa Peci.

Esta edição reúne uma série de contribuições que discutem os multifacetados ângulos do estudo da(s) burocracia(s): seu papel nos vários níveis federativos, seus processos (diferenciados) de profissionalização, as especificidades de burocracia de rua em processos de implementação de políticas públicas e, discussões mais amplas sobre a relação da burocracia com a capacidade do Estado de gerar e implementar políticas específicas.

A persistência do tema de burocracia nos estudos de administração pública é natural, considerando que trata-se do braço executivo do governo, definido como governo em ação. O periódico, portanto, busca entender onde este quarto poder demanda suas fontes de legitimidade e que, de fato, os administradores públicos não eleitos – os burocratas – legislam, fazendo regras que por vezes tem mais poder de enforcement que as próprias leis; implementam regras (executem) e adjudicam questões relacionadas à sua aplicação e execução (função do Judiciário), colapsando, na prática, o ideal da separação dos três poderes. Eficiência, neutralidade, universalização, democratização são alguns dos valores que sustentam sua legitimidade, mas têm sido historicamente disputáveis, como vários artigos deste número implicitamente ou explicitamente discutem. 

Confira a nova edição da RAP AQUI

Galeria: